BLOG

As redes sociais educativas em cidades inteligentes

A qualidade de vida está relacionada com o local em que vivemos e dos bons relacionamentos que estabelecemos. As cidades inteligentes devem prover uma infraestrutura e serviços como transporte, saúde, segurança, lazer, cultura e educação para oferecer condições de crescimento humano e profissional, criando uma plataforma econômica para geração de empregos e negócios. A economia é dinâmica e cada vez mais extrapola os limites físicos de cidades, estados e países, emergindo em mundo digital. Os produtos e a mão-de-obra sãos mais valorizadas se agregarem inteligência e uso intensivo da Internet. Entretanto, o desenvolvimento de novos negócios e prosperidade só acontecem com o relacionamento entre as pessoas, mesmo que intermediados por softwares transacionais. Desde cedo, as crianças devem ser inseridas no mundo digital para ampliar as fronteiras físicas de onde moram para conhecer novas realidades, novas culturas e estabelecer relacionamentos multiculturais e transfronteiras. Isso quebra o isolacionismo econômico, cultural e social. Prepara os alunos para desafios globais e transfere as melhores práticas de negócios internacionais para as comunidades locais, independentemente da localização geográfica. As redes sociais educacionais podem desenvolver essa experiência, ajudando inclusive a reduzir as desigualdades sociais, culturais e econômicas.Continue a ler »As redes sociais educativas em cidades inteligentes

O impacto das redes inteligentes nas cidades

A gestão da geração, transmissão e distribuição de energia vem passando por um processo de digitalização, a exemplo da transformação da telefonia anos. Os antigos medidores analógicos estão sendo substituídos por medidores digitais que permite o gerenciamento remoto, incluindo: medição, corte, religa e monitoração de parâmetros da qualidade da energia. Permite também gerenciar a energia gerada pelos consumidores que possuem autoprodução de energia usando autogeradores eólicos, painéis fotovoltaicos e biomassa. Para as distribuidoras de energia é um grande salto para a eficiência operacional, pois várias atividades que necessitam de equipes de campo serão substituídas por controles remotos. Para os consumidores será uma oportunidade para negociar a compra de energia de acordo com o seu perfil de uso, buscando redução de custos. Para o Poder Público, abre oportunidades para melhorar a gestão energética dos prédios e equipamentos da cidade.Continue a ler »O impacto das redes inteligentes nas cidades

Sistema de Gerenciamento de Incidentes

Incidentes são eventos que envolvem ameaças e perigos independente da causa, tamanho, localização ou complexidade que podem gerar acidentes fatais, danos a propriedades e ao meio ambiente. Por exemplo, uma forte chuva fora da média pode causar acidentes fatais por acidentes fatais por afogamento ou pessoas soterradas por deslizamentos de terras. A chuva é um incidente e as mortes são acidentes.Continue a ler »Sistema de Gerenciamento de Incidentes

Sistemas avançados de vigilância eletrônica

A vigilância eletrônica é a observação de pessoas, carros, animais e outros objetos de relevância, em tempo real, com a descrição de suas atividades e interações e a respectiva classificação de seu potencial de periculosidade. Os sistemas de vigilância evoluíram da simples transmissão de imagem passando pela detecção de movimento e reconhecimento facial. Com as novas tecnologias usando Internet das Coisas (IoT – Internet of Things), sensores remotos e sistemas de coleta e análise de grandes volumes de dados em tempo real a vigilância eletrônica entra em um novo estágio.Continue a ler »Sistemas avançados de vigilância eletrônica

Solução para gerenciamento de bairros

Os bairros das cidades têm características próprias como culturais, regras de zoneamento, trânsito, construções, entre outras. Alguns bairros possuem vulnerabilidades que os coloca em risco eminente por mudanças climáticas extremas ou empresas que operam produtos ou processos de alto risco, tais como barragens ou materiais tóxicos. A segurança pública também assume papeis diferenciados, como as características das favelas do Rio de Janeiro. Cada bairro exige uma solução integrada de gerenciamento diferenciada. A definição de soluções especificas permite o melhor gerenciamento do orçamento municipal, atender a legislação e garantir os direitos dos cidadãos. As novas tecnologias de Internet das Coisas (IoT – Internet of Things), que provê a comunicação máquina-a-máquina sem a intervenção humana, softwares de tratamento e análise de grandes volumes de dados (Big Data & Analytics) usando ambientes computacionais de alto desempenho na nuvem (Cloud Computing) permitem a gerenciamento de bairros com eficiência, permitindo um melhor planejamento. A coleta de grandes volumes dados em tempo real combinando com dados históricos permite antever situações extremas através de simulações baseadas em modelos matemáticos dando ao gestor condições de emitir alertas de perigo e salvar vidas.Continue a ler »Solução para gerenciamento de bairros

A bioenergia no contexto das cidades inteligentes

Um dos desafios e compromisso das cidades é a redução da emissão de gases do efeito estufa para minimizar os efeitos das mudanças climáticas. O Brasil, como outros países da América Latina, tem enormes possibilidades de inserir uma maior quantidade de bioenergia na sua matriz energética. Nossa produção de cana de açúcar possibilita o uso do etanol para veículos automotores e o bagaço de cana para a queima em usinas termelétricas. A cidades inteligentes devem abolir o uso de derivados do petróleo e incentivar a indústria na troca de seus insumos baseados em carbono.Continue a ler »A bioenergia no contexto das cidades inteligentes